O que você vai aprender

Com a convidada internacional Naureen Hunani

Esse curso visa capacitar profissionais que se relacionam à infância a atuar junto às crianças com dificuldades alimentares, promovendo uma visão ampla dos aspectos multifatoriais e transdisciplinares envolvidos nessa desordem. Os pais de crianças nessa situação, também se beneficiarão desse conhecimento para melhor conduzir o processo de reabilitação junto às equipes terapêuticas, se tornando parceiros nos momentos das refeições.

 

Os seguintes temas serão abordados no curso:

  • Dificuldades alimentares: aspectos conceituais e epidemiológicos
  • Doenças médicas complexas e o impacto na alimentação da criança:
  • Dificuldade alimentar infantil: da seletividade alimentar à aversão alimentar
  • A desnutrição e o impacto no desenvolvimento cognitivo da criança
  • Desenvolvimento biopsicossocial do processo de alimentação
  • Introdução à integração sensorial (IS): o que é a integração sensorial?
  • A função da integração sensorial no desenvolvimento infantil
  • Tipos de desordens de processamento sensorial: diferentes perfis sensoriais: tipos e características de cada uma
  • Sinais de alerta para o reconhecimento das desordens sensoriais
  • Principais diagnósticos médicos associados às desordens do processamento sensorial
  • Avaliação clínica para identificação do perfil sensorial e das desordens de processamento sensorial
  • Relação entre integração sensorial e as atividades cotidianas
  • Como aumentar a organização do SNC
  • Dieta sensorial
  • Estimulação sensorial x integração sensorial
  • Integração sensorial e desempenho funcional
  • O brincar e a integração sensorial
  • Intervenção da Terapia Ocupacional na recusa alimentar
  • Características da intervenção de integração sensorial
  • Alimentação é um aprendizado: o que isso significa e qual o impacto na amamentação direta, indireta e na introdução alimentar (IA)?
  • Alimentação de bebês em situações médicas complexas: a cultura do volume x responsividade e as implicações clínicas para a alta hospitalar e o comportamento alimentar
  • Mitos sobre alimentação
  • Introdução alimentar: momento crucial para o estabelecimento do relacionamento alimentar
  • Sinais e sintomas indicativos de risco de dificuldade alimentar: um olhar para a amamentação direta, indireta e a introdução alimentar
  • Avaliação das dificuldades alimentares: um olhar além da mastigação e deglutição
  • Escala Brasileira de Alimentação Infantil (EBAI)
  • Terapia de alimentação responsiva: base para construção de uma relação emocionalmente saudável com os alimentos
  • Como tornar-se um parceiro no momento da refeição?
  • Como construir a confiança, motivação interna e autonomia?
  • Como ajudar a criança e a família na construção de uma relação saudável, confortável e prazerosa no momento da refeição?
  • Como promover exposições responsivas?
  • Como construir momentos de refeição sem pressão?
  • O psiquismo do bebê e da criança
  • A importância da alimentação para vida emocional e para o desenvolvimento do bebê e da criança
  • Inter-relação emocional com a família
  • Dificuldades alimentares: causa ou consequência?
  • Sinais, sintomas, entraves do desenvolvimento e sofrimento emocional
  • Abordagem integral para avaliação de risco, prevenção e promoção de saúde

 

MÓDULO INTERNACIONAL: com a nutricionista Naureen Hunani

QUANDO AS CRIANÇAS NÃO PODEM COMER: APOIANDO COMEDORES EXIGENTES E CRIANÇAS COM DISTÚRBIOS ALIMENTARES

Este curso irá capacitar os participantes com conhecimento profundo sobre como avaliar e tratar comedores exigentes e crianças com distúrbios alimentares, incluindo transtorno alimentar restritivo evitativo (TARE). O foco será nas habilidades de alimentação e sua relação com as dificuldades alimentares. Estratégias práticas para apoiar clientes com dificuldades de alimentação serão destacadas. O conteúdo será apresentado segundo a visão prática do trauma, levando em consideração a neurodiversidade.

 

Os seguintes tópicos serão abordados:

  • Entenda as diferenças entre alimentação exigente e transtornos alimentares
  • Dificuldades de alimentação observadas na população neurotípica e neurodivergente
  • Entenda como as diferenças de processamento sensorial podem afetar a alimentação
  • Preocupações comuns relacionadas à nutrição
  • Cultura dietética e seu impacto na alimentação e na imagem corporal
  • Explore o modelo social de deficiência e como ele se cruza com TARE
  • O processo de avaliação
  • Tratamento e exposições responsivas
  • Estratégias práticas para melhorar a alimentação, mantendo a inclusão como uma prioridade

 

Carga horária total: 55h/a

 

Público alvo:

  • Fonoaudiólogos, nutricionistas, terapeutas ocupacionais, pediatras, psicólogos, educadores e pais de crianças com dificuldades alimentares

 

Docentes:

  • Convidada Internacional (nutricionista): Naureen Hunani
  • Fonoaudióloga: Patrícia Barcellos Diniz
  • Médico Gastroenterologista: Gabriel Benevides
  • Psicóloga: Giuliana Chiapin
  • Terapeuta Ocupacional: Louise Jimenez Berndt

 

Moderadora: Camila Fussi

 

Datas:

  • Maio:
    • 01 de maio (sábado): 09:00 – 13:00*; 14:30 – 18:30
    • 02 de maio (domingo): 09:00 – 13:00; 14:30 – 18:30*
    • 15 de maio (sábado): 09:00 – 13:00; 14:30 – 18:30
    • 28 de maio (6ª feira): 18:00 – 22:00*
    • 29 de maio (sábado): 09:00 – 13:00; 14:30 – 18:30*
  • Junho:
    • 27 de junho (domingo): 09:30 – 12:30; 14:00 – 17:00* – módulo internacional com tradução simultânea
    • Os pais assistirão 40h/a de curso: 01 de maio, período da manhã; 02 de maio (manhã e tarde); 28 de maio (noite); 29 de maio (manhã e tarde) e 27 de junho (manhã e tarde)

 

Tira dúvidas
Quero receber mais informações sobre o curso.

Whatsapp

E-Mail

(11) 99466-0803

cursos@camilafussi.com.br